Minhas Redes Sociais

quinta-feira, 26 de março de 2015

Amor ou Ego?...

Todos nós já lidamos ou agimos em algum momento da nossa vida com os dois tipos de sentimentos. Amor, e ego.
Na maior parte das vezes, temos tendência a confundir um com o outro. 
Mas, como saber qual a diferença entre um e outro?
O amor é um sentimento puro, não cria expectativas, não exige, não cobra, não deseja o mal, não espera vingança, é incondicional.
Já o ego, esse, cria expectativas, exige, cobra, escolhe vingança, critica, julga, é condicional.
Os dois por vezes entram em confronto e nos deixam desorientados, amargos, com sede de vingança, com o orgulho ferido, e nos torna numa pessoa amarga e sem luz.
O amor incondicional é das coisas mais difíceis de praticar, mas foi isso que Jesus nos quis deixar com o ensinamento: "Ama o próximo como a ti mesmo." 
Esse sentimento tão nobre pode ser reconhecido num exemplo que posso destacar como um dos mais evidentes, embora haja infelizmente excepções, como em tudo. Mas o amor de pais pelos filhos, em regra geral, é amor incondicional, porque por muito que os nossos filhos cometam erros, estamos sempre do lado deles, o amor que sentimos não tem condição, independentemente deles fazerem o que lhes pedimos, ensinamos, ou não. 
É um amor que não morre, não abandona, não impõe condições para que permaneça vivo.
Ama, simplesmente. Com alegrias, com desgostos, com verdades, com mentiras, com orgulho, com tristeza, sejam eles os motivos, o amor pelos filhos, é incondicional, é eterno.
Já o ego, ah... esse, julga, exige, critica, cria expectativas quando alguém não faz aquilo que nós esperámos, aquilo que nós queremos, quando não são como idealizamos, enfim...
Eu mesma falo por experiência própria o quanto já deixei o meu ego falar mais alto, confundindo com o sentimento mais nobre que existe, que é o amor incondicional... Levei anos a entender a diferença entre um e outro.
Ainda hoje, por vezes caio nesse erro, mas como estou mais atenta, paro para pensar. Porque é que esta situação me está a magoar? EGO!!!
Só me pode magoar quem eu deixar, mais ninguém. Esta é a realidade. Se me está a magoar, é porque criei expectativa, se criei expectativa, não é amor, é ego!
Cada pessoa nesta vida, é única. Não há duas pessoas iguais. E cada pessoa tem as suas limitações, o seu livre arbítrio, o direito de ser como é. Ninguém tem o direito de julgar ninguém. Podemos não nos identificar com algumas dessas pessoas, podemos até discordar da forma como ela pensa, e/ou age, mas não temos nenhum direito de a julgar. Quem somos nós para julgar os outros? Mais uma vez, vou buscar a minha fonte de inspiração Jesus, que quando todos queriam apedrejar Maria Madalena, ele se virou para as pessoas e disse: -" Aquele que nunca pecou, atire a primeira pedra." Ninguém o fez...
Mais uma vez ele nos deixou uma mensagem. 
Eu cometo ainda esse erro sim, por vezes, quando ando mais distraída, afinal de contas sou um ser humano com tudo que isso implica, mas há uma frase que me chamou muito à atenção, e que me ajuda sempre que falho.
"Orai e vigiai"
Na igreja católica, acho que nunca explicaram muito bem esta frase, ou então fui eu que não tinha a percepção do significado tão simples da frase.
Eu pensava que orar, era rezar, e vigiar, era estar atento ao inimigo, mas hoje, a interpretação desta frase faz muito mais sentido para mim, porque orar, para mim, é ficar quieto(a) por um tempo, em silêncio, falar com o nosso "Deus". 
Vigiai, significa, vigiar o nosso comportamento, os nossos sentimentos, e actos perante a vida e perante os outros. 
Não é o inimigo que temos que temer, mas sim  nossos próprios pensamentos sentimentos e actos. 
A pessoa que praticar estas duas coisas, certamente irá identificar com facilidade quando é amor, ou quando é o ego que está presente perante uma situação.
E quando se aperceber que é ego, abandone imediatamente essa energia, e aceite o que está a acontecer como mais uma lição que aprendeu na escola da vida. Não se culpe! A culpa não nos traz nada de bom, pelo contrário. Errar é humano, e a vida é um constante aprendizado. Errando e aprendendo...
Orar, e vigiar, eis o segredo para se libertar do ego, e ver o mundo com outro olhar...
Um abraço do coração, e sejam felizes ;)

Sem comentários:

Enviar um comentário

Alguma dúvida, sugestão, deixe aqui... Grata.